jun 13

Por que a maconha é proibida? Porque faz mal à saúde. Será mesmo? Então, por que o bacon não é proibido? Ou as anfetaminas? E, diga-se de passagem, nenhum mal sério à saúde foi comprovado para o uso esporádico de maconha. A guerra contra essa planta foi motivada muito mais por fatores raciais, econômicos, políticos e morais do que por argumentos científicos. E algumas dessas razões são inconfessáveis. Tem a ver com o preconceito contra árabes, chineses, mexicanos e negros, usuários freqüentes de maconha no começo do século XX. Deve muito aos interesses de indústrias poderosas dos anos 20, que vendiam tecidos sintéticos e papel e queriam se livrar de um concorrente, o cânhamo. Tem raízes também na bem-sucedida estratégia de dominação dos Estados Unidos sobre o planeta. E, é claro, guarda relação com o moralismo judaico-cristão (e principalmente protestante-puritano), que não aceita a idéia do prazer sem merecimento – pelo mesmo motivo, no passado, condenou-se a masturbação.

Não é fácil falar desse assunto – admito que levei um dia inteiro para compor o parágrafo acima. O tema é tão carregado de ideologia e as pessoas têm convicções tão profundas sobre ele que qualquer convite ao debate, qualquer insinuação de que estamos lidando mal com o problema já é interpretada como “apologia às drogas” e, portanto, punível com cadeia. O fato é que, apesar da desinformação dominante, sabe-se muito sobre a maconha. Ela é cultivada há milênios e centenas de pesquisas já foram feitas sobre o assunto. O que tentei fazer foi condensar nestas páginas o conhecimento que a humanidade reuniu sobre a droga nos milênios em que convive com ela.

Continuar lendo »

Postado por Érico Almeida
Tags: , , ,

set 04

Conheça as alternativas para levar dinheiro de forma segura em uma viagem.

O método mais seguro continua sendo levar travellers cheques (cheques de viagem). Eles são aceitos no mundo todo. Se você tiver o cuidado de anotar o número de cada um e o valor correspondente, eles serão imediatamente substituídos em caso de roubo ou perda. Os mais usados são Thomas Cook, American Express e Visa.

Continuar lendo »

Postado por Lílian Almeida
Tags: , , , , , , , , ,

ago 22

Economizar e perder peso estão entre as resoluções mais freqüentes entre as mulheres (e homens também). Se você tem esses objetivos em mente, vale conferir as dicas abaixo, que podem ajudá-la a alcançar esse objetivo duplo. Seu corpo e seu orçamento certamente irão agradecer.

A regra básica para alcançar o sucesso é a de fazer, você mesma, coisas que, por falta de tempo ou interesse, acaba pagando para que outras pessoas executem em seu lugar. É bem verdade que, diante de uma agenda bastante apertada, a perspectiva de adicionar mais tarefas ao seu dia-a-dia parece no mínimo desanimadora.

Porém, quando você perceber os benefícios na sua conta bancária e na sua cintura, certamente vai se sentir mais motivada. É claro que o seu tempo também tem preço. Portanto, a idéia aqui não é fazer com que deixe de realizar o que gosta, ou pelo que você é remunerada, em favor de tarefas pelas quais não se interesse ou que não lhe oferecem benefício.

É preciso se reeducar

Não há como negar que queimar calorias e adotar uma dieta mais saudável são medidas fundamentais na guerra contra o excesso de peso. Trata-se de um processo que envolve uma revisão de hábitos ou, como os especialistas gostam de chamar, um processo de reeducação.

Continuar lendo »

Postado por Lílian Almeida
Tags: , , , , , , , , , , , ,

jul 31

Basta uma espiadinha no armário para compreender o que seja comprar por impulso. No meu armário, existem alguns pares de sapatos que me pareceram lindos na vitrine, mas que agora são verdadeiros suplícios nos meus pés. Fora bolsas, roupas, bijuterias, maquiagens…

Mas como se resiste à compra da maravilhosa bolsa que a balconista insiste em nos dizer que “caiu tão bem”?

Na prateleira da estante, livros nunca lidos, aquele CD ainda lacrado.
E na geladeira? O pote do recém-lançado iogurte que você não gostou já com a data de validade vencida.
No banheiro: cremes, shampoos e perfumes com validade vencida.

Vivemos em uma sociedade consumista, estimulante e repleta de inovações. E ninguém está 100% blindado para conseguir escapar de uma comprinha desnecessária aqui ou ali.

No entanto, quando a impulsividade de compra está fora de controle, amontoam-se excessivamente coisas desnecessárias, especialmente adquiridas através de crédito e as dívidas impossíveis de serem quitadas crescem assustadoramente.

Isso pode significar que a pessoa esteja sofrendo de algum tipo de distúrbio emocional. Continuar lendo »

Postado por Lílian Almeida
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

jul 27

ALGUNS HÁBITOS FAZEM MAL À SAÚDE E AO BOLSO!
CONFIRA QUANTO DINHEIRO VOCÊ PERDE E O QUE DARIA PARA COMPRAR COM ELE.

Comer um bombom a menos por dia pode lhe render por volta de R$ 4 mil em dez anos! Agora imagine as manias mais caras, como cigarro e bebida. O lucro por ficar sem elas chega  a R$ 17 mil!  Por isso, parar de uma vez – ou até dar uma maneirada – é uma ótima saída pra economizar! Basta investir a grana  para começar a colher os frutos, pois “investir é desistir de um prazer imediato, para no futuro conquistar seus sonhos”. Quem garante é o consultor financeiro Reinaldo Domingos, de São Paulo, que calculou  quanto perdemos com gastos no dia-a-dia:

CIGARRO

Se reduzir um maço de cigarro (R$ 2,75) por dia e depositar o total economizado por mês (R$ 82,50) – na poupança – rendimento médio de 0,6% so mês – você acumula:
R$  em 1 ano: R$ 1.023,33
R$ em 5 anos: R$ 6.5l5,48
R$ em 10 anos: R$ 17.644,38

Após 10 anos, dá para comprar:
– 1 carro popular usado (R$ 17 mil) ou
– 17 computadores (R$ 1 mil cada) ou
– 50 microondas (R$ 350 cada).

Continuar lendo »

Postado por Lílian Almeida
Tags: , , , , , , , , , , ,